Hoje, há uma grande variedade de luzes altamente eficientes, econômicas e super fáceis de usar para sua bicicleta. Como muitos de nós estão andando cedo e no final do dia, chegamos a apreciar a necessidade de uma luz frontal que pode nos ajudar a ver o que vem pela frente, bem como ser visto por carros se aproximando, carros vindo de lado e das ruas e garagens.

A este respeito, estamos apenas olhando para as lanternas da frente para este artigo. Porém, obviamente, também é preciso ter uma luz traseira brilhante para ser altamente visível por carros viajando em sua direção. Então sinta-se livre para usar este artigo como um ponto de partida para escolher sua lanterna traseira também.

O que procurar em uma lanterna de bike?

Escolher a luz frontal certa para a sua bicicleta pode ser uma tarefa assustadora. Há muitas luzes diferentes por aí, para vários propósitos diferentes. A primeira pergunta que você precisa se perguntar ao escolher uma luz é o que você quer que a luz faça? Você está procurando uma luz para ver ou ser visto por motoristas e outros ciclistas? Quanto você quer gastar? Você quer usar baterias recarregáveis? Eu adicionaria aos critérios o tempo de funcionamento da lanterna e facilidade de conexão (e desligamento).

Como você mede o brilho de lanterna para ciclismo?

A medida padrão de brilho é lúmens. Por exemplo, uma lanterna de modelo simples de 1 Watt geralmente está classificada em 100 lúmens, enquanto modelos maiores podem ser avaliados a partir de 600 lúmens. Este último seria significativamente mais brilhante do que o primeiro modelo.  Esqueça a medida de watts de lâmpadas e vá direto para os lúmens.

No entanto, quando se considera a luz emitida pelas luzes de uma bicicleta, deve-se considerar também a “distribuição” da luz. Uma luz muito poderosa que brilha diretamente no plano horizontal atua como holofote, mas na verdade não ilumina nenhum dos terrenos ao seu redor. O padrão de feixe e diferentes modos ajudarão a garantir que um ciclista seja visto no escuro, nevoeiro etc.

Então, na hora de escolher a lanterna com o brilho certo, é importante que ela tenha uma boa combinação de brilho e um feixe que ilumine para a frente e para baixo. Alguns modelos podem alternar entre baixa e alta luminosidade, e ter feixes de luz que iluminam para a frente ou para baixo.

Luzes de bicicleta

Luzes de bicicleta bem escolhidas vão garantir sua segurança e visibilidade durante os passeios. (Foto: The X Fire)

Por quanto tempo a lanterna para bicicleta pode carregar uma carga?

Juntamente com o brilho, deve-se considerar a fonte de energia de uma luz. Algumas lanternas são alimentadas por baterias padrão, enquanto alguns por baterias recarregáveis ​​USB. Os modelos mais populares variam de uma carga única de 1,5 horas (com brilho supremo) a impressionantes 320 horas para modelos de baixa iluminação.

Alguns modelos tem baterias que podem ser recarregadas enquanto você pedala. Dependendo da distância que você costuma pedalar e as condições do pedal (trilhas, estradas de chão, etc), você pode precisar de baterias extras durante a viagem ou essa possibilidade de recarga.

Quanto pagar em uma lanterna de bicicleta?

Se você está apenas começando no mundo das bicicletas, não é recomendável pagar caro em uma lanterna. É muito melhor começar com um modelo mais básico para você saber o que precisa antes de investir pesado em um kit mais profissional. Muitos ciclistas, afinal, podem começar gostando mais de mountain bike e acabar preferindo fazer estradas. As lanternas para essas finalidades são bem diferentes, e atendem à diferentes exigências dos ciclistas.

É possível também que você prefira ter lanternas diferentes para diferentes tipos de bikes. Uma lanterna mais forte para uma bike de trilha e uma mais fraca para sua bicicleta híbrida, por exemplo.

Seja como for, não deixe de compra uma lanterna para sua bike. Sua segurança vale o investimento.

Qual lanterna de bike você tem? Qual recomendaria?

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)